Dicas

Conheça 7 dicas para conservar um barco

Escrito por RockContent

Ter um barco é motivo de alegria para toda a família. A liberdade de estar no mar e poder conhecer diversos lugares que antes pareciam inacessíveis é muito bacana. Passeios com a família e amigos passam a fazer ainda mais parte da rotina. Mas para desfrutar de tudo isso por mais tempo é necessário entender como conservar um barco.

Esse é o primeiro passo para fazer com que seu investimento realmente valha a pena. Compreendendo os cuidados necessários e criando uma rotina de limpeza e manutenção efetiva, a sua embarcação vai durar muito mais tempo e permanecer em ótimo estado, parecendo nova.

Para te ajudar nessa missão, daremos 7 dicas importantes para que seu barco continue novinho, como se você tivesse acabado de comprá-lo.

Como conservar um barco corretamente

Saiba como fazer a limpeza do seu barco de forma correta, entenda a importância de fazer manutenções preventivas e muito mais. Com essas dicas que preparamos, você vai evitar problemas e gastos desnecessários com seu barco. E o melhor de tudo, vai poder usufruir dele por muito mais tempo. Acompanhe nossas dicas:

1. Leia o manual e siga as orientações do fabricante

Muitas pessoas não gostam de ler manuais de instrução, claro que a leitura não é das mais agradáveis. Mas, se tratando de um meio de transporte tão especial, é importante entender as especificidades do seu barco.

Lendo o manual de instruções, você vai saber detalhes sobre o modelo do seu motor, por exemplo. Alguns barcos requerem cuidados específicos, que podem variar comparados a outros modelos. Por isso, é necessário estar atento às orientações do fabricante. 

2. Tenha cuidado especial com o motor do seu barco

Não se deve deixar combustível no motor por longos períodos. O indicado é que esse tempo não passe de 30 dias. Dessa forma, você evita possíveis deteriorações no motor do seu barco, ajudando em sua conservação.

Outro ponto importante é não deixar o motor desligado por longos períodos. Crie o hábito de ligá-lo a cada 15 dias, pelo menos. Se você não estiver próximo ao barco periodicamente, combine com alguém que possa fazer isso para você.

3. Atenção na hora da limpeza

Limpar bem o seu barco é um ponto essencial para mantê-lo bem conservado. Entretanto, muitas dúvidas podem surgir na hora da limpeza. Qual material usar, qual produto e como dar brilho são algumas delas. Nessa hora, é muito importante tomar as decisões certas, já que alguns produtos podem danificar o seu barco.

Não use sabão em pó para limpar o seu barco. Ele não é indicado, pois, seus componentes podem causar manchas no corpo do barco. Evite também usar materiais abrasivos, como esponjas metálicas. Elas podem causar arranhões, deixando o barco com um aspecto de velho e desgastado.

Produtos de limpeza como solventes também são um problema. O casco das embarcações tem uma proteção chamada gel coat, e quando você usa este tipo de produto, a proteção é danificada. Para não ter esses problemas, use sempre itens de limpeza desenvolvidos exclusivamente para barcos.

4. Use tapetes E.V.A próprios para embarcações

Uma grande preocupação dos donos de barcos é a umidade. Isso se deve ao fato dela poder causar alguns problemas, devendo ser evitada. Como o piso do barco ,muitas vezes, tem contato constante com água, algumas pessoas optam por não colocar nenhum tipo de revestimento, como um tapete.

Essa pode ser uma escolha equivocada. Os tapetes de E.V.A, que são próprios para embarcações, protegem o piso da umidade. Se a sua preocupação é com a limpeza dos tapetes, pode ficar tranquilo. Eles também são feitos para ter baixa aderência de poeira, facilitando muito a limpeza. 

5. Crie uma rotina de revisões preventivas

Ter a disciplina de fazer revisões preventivas periodicamente pode ser difícil, mas ter esse cuidado é crucial para conservar um barco da forma correta. O tempo indicado para revisões preventivas é a cada 6 meses. Marque no calendário, ou na sua agenda, assim você não se esquece e consegue se planejar para fazer as revisões quando for necessário.

Elas são importantes, para identificar algum problema que pode passar despercebido por você. Evitando inclusive, maiores gastos no futuro. Já pensou combinar aquele passeio tão esperado com a família e amigos e ficar na mão por não ter identificado um problema previamente? Com as revisões preventivas, você não vai ter essa preocupação.

6. Lave seu barco sempre que usar

Não pense que ,pelo barco estar em constante contato com a água, que ele não deve ser lavado. Na verdade, é justamente o contrário. Sempre que navegar pelo mar, você deve lavar o barco com água doce.

A razão é simples: os sais da água do mar podem danificar os componentes da sua embarcação, principalmente os metálicos. Uma lavagem rápida com água doce já deve ser suficiente para evitar danos por conta dos sais.

Após a lavagem, use um produto finalizador para dar brilho. O produto indicado é a cera náutica. Não use ceras automotivas, elas saem facilmente na água, diferente das náuticas. A grande vantagem de usar a cera é que além do brilho, ela promove uma proteção no costado da sua embarcação. Além disso, elas também protegem o corpo do barco contra os raios UV.

7. Use capa de proteção

Algumas pessoas não sabem da importância de usar uma capa de proteção para conservar um barco. Mas, fazer uso de uma capa ajuda e muito a manter seu barco bem conservado.

Escolha capas com proteção UV, elas vão proteger a sua embarcação dos raios solares e manter ela bem novinha. Além disso, estas capas ainda evitam excesso de umidade. Evite capas com ilhós metálicos, elas podem arranhar o seu barco.

Com todas essas dicas seu barco vai ficar conservado por muito mais tempo. Assim, você evita qualquer dor de cabeça e sempre que quiser vai poder fazer ótimos passeios com a sua família e amigos.

Se gostou das nossas dicas sobre como conservar um barco, não deixe de assinar nossa newsletter. Assim, você fica por dentro de muitas dicas como essas.

Sobre o autor

RockContent

Deixar comentário.

Share This