Dicas

Charter de barcos: aprenda o que é e se vale a pena

Escrito por Social Boats

O turismo náutico oferece várias opções de lazer, entre elas está o charter de barcos. O termo significa aluguel de embarcações. Essa prática é muito comum na Europa e vem conquistando espaço no mercado brasileiro porque beneficia tanto o turista que deseja usufruir de um hotel flutuante quanto o proprietário do barco, que economiza com a manutenção e ainda gera lucro.

Mas como esse serviço funciona? Vale a pena? Continue lendo este texto e entenda!

O que é charter?

O aluguel de barco é a melhor opção para quem ainda não tem uma embarcação, mas deseja experimentar a vida a bordo. É como alugar um sonho: você, sua família e amigos viajando em alto-mar, desfrutando de toda a comodidade que um barco oferece. E mais: você escolhe o destino, o período e o tempo da viagem.

De acordo com as Normas de Autoridade Marítima (Normam), o charter só é permitido para fins recreativos ou para a prática esportiva.

Vale a pena fazer charter?

Para o cliente, vale a pena pela comodidade e segurança. Ele não vai precisar se preocupar com nada, pois terá vários serviços à sua disposição: comandante e equipe responsável pela acomodação da tripulação — organização, limpeza e alimentação.

Dependendo do charter, ele também pode disponibilizar o translado do aeroporto até o barco. Mas o melhor de tudo é o fato de usufruir de todos os benefícios de um barco sem se preocupar com a manutenção dele.

Custo-benefício

Os preços são comparáveis a estadias em hotel e variam, dependendo do tamanho da embarcação e da tripulação (no Brasil costuma ser, no máximo, de 4 pessoas). A vantagem é que o charter oferece uma vista incrível a qualquer hora do dia.

Para o proprietário da embarcação, vale a pena pela rentabilidade. Como ele não utiliza o barco por boa parte do ano, por que não alugá-lo no período livre, garantindo uma renda extra? Afinal, além do alto investimento financeiro na aquisição, ele precisa lidar com a manutenção: estadia em marinas, combustível e salário do marinheiro.

Setor em crescimento

Outro motivo para investir no charter são os dados da pesquisa realizada pelo governo de Portugal sobre o turismo náutico: o mercado cresce entre 8 a 10% ao ano. Ou seja, é um ótimo negócio para ambas as partes.

Essa tendência de consumo é muito comum na Europa, com uma grande busca pelo Caribe como destino. Mas o Brasil está ampliando o seu potencial turístico ao permitir que os barcos estrangeiros de lazer tenham permanência de 3 meses (renováveis por mais 3 meses). E se existe demanda, vale a pena sim fazer charter no país.

Quais os benefícios do charter?

Para quem ainda não tem um barco, o charter é uma ótima opção de lazer, além da experiência em navegar. Se estiver pensando em adquirir uma embarcação, serve como um teste para avaliar como funciona, quais são as responsabilidades e conferir de perto todas as vantagens de ter um barco.

E quem já tem o seu barco, é uma oportunidade de monetizá-lo e mantê-lo funcionando, já que um barco parado pode quebrar ou trazer mais problemas.

Quais os tipos de charter?

A locação pode ser com ou sem tripulação. Confira os três principais tipos de charter:

1. Luxury Crewed Charter

Esse é o mais comum, o aluguel tripulado. Ao entrar na embarcação, o cliente não tem preocupação com nada, pois terá a segurança de um comandante a bordo e uma tripulação responsável pela recepção, organização e limpeza. As empresas que oferecem esse tipo de serviço preocupam-se com todos os detalhes e personalizam o atendimento, para que o cliente sinta-se como se fosse o dono do barco.

2. Skippered Charter

Também chamado de barco limpo ou Bareboat, essa modalidade é ideal para quem tem espírito de aventura. Com a habilitação, você pode alugar o barco e navegar. É indicado para quem deseja comprar o próprio barco, pois é possível experimentar, na prática, a vida náutica.

Nesse caso, você fica responsável por fazer as compras, cozinhar, lavar os pratos e organizar o barco. É ideal para quem gosta de cuidar de cada detalhe durante a viagem.

3. Crewed Charter

Essa é uma modalidade mais informal, em que o proprietário mora no barco e recebe visitantes. É como se você estivesse hospedado na casa de alguém. A maioria desses navegadores têm uma vasta experiência em alto-mar, com muitas histórias para contar, o que rende boas conversas. Para quem se interessa pela área e busca conhecimento, é uma boa opção.

Como fazer charter com o seu barco?

Existem duas formas tradicionais de alugar um barco. A primeira é pela marina da cidade. No caso, o locatário precisa deslocar-se até a marina para verificar quais são os barcos disponíveis para aluguel. Essa marina repassa o contato do proprietário para que seja feita a negociação.

A segunda tem o intermédio de um corretor. Ele fica responsável por selecionar embarcações de acordo com as necessidades e preferências do locatário. É uma opção mais prática, porém, o valor é mais alto devido a comissão do corretor.

Mas existe uma forma mais vantajosa e moderna para o charter: a plataforma de locação de barcos. Ela beneficia tanto o locatário quanto o proprietário, facilitando o processo de negociação. Não precisa de deslocamento físico nem de taxa de comissão, pois a comunicação é direta.

A plataforma funciona como um catálogo, no qual o interessado pode comparar várias embarcações até encontrar a que mais o agrade. Por isso, além das fotos, a plataforma indica o modelo, a quantidade de pessoas permitidas, a localização, o preço e outras informações. Todos os detalhes da negociação são feitos diretamente entre o proprietário e o locatário.

Gostou do nosso texto sobre charter de barcos? Essa modalidade do turismo náutico tem tudo para tornar as suas próximas férias inesquecíveis! De uma só vez, você garante a hospedagem e o transporte, com chances de personalizar a viagem. E se você já tem um barco, aproveite para torná-lo rentável por meio de uma plataforma de locação.

Para entender mais sobre essa área, entre em contato conosco! Nós vamos tirar todas as suas dúvidas e encontrar a melhor opção para o seu aluguel de barcos.

Sobre o autor

Social Boats

Deixar comentário.

Share This